Red Purple Black
Policia

Audiência de caminhoneiro envolvido no acidente que causou a morte de Luciana Arcari e mais três pessoas será marcada

Policia

Última atualização em Qua, 01 de Abril de 2015 22:17 Qua, 01 de Abril de 2015 12:30

AddThis Social Bookmark Button

A Justiça de Concórdia marcará nos próximos dias a Audiência de Instrução e Julgamento de Cristiano da Silva Lara – caminhoneiro que se envolveu em acidente com quatro mortes na BR-153 (entre Concórdia e Irani). Uma carta precatória foi encaminhada à comarca de Caçador – cidade onde reside o motorista.  Cristiano foi denunciado pelo Ministério Público por homicídio culposo. Ele responde o processo em liberdade.

Às 9h de sábado, dia 3 de agosto de 2013, ocorreu uma colisão com quatro mortes na BR-153 em Barra Seca, Concórdia. O caminhão fazia o sentido Concórdia/Irani e o automóvel Fiesta com placas de São Domingos a direção contrária.

Perderam a vida no local do acidente: Erotildes Fátima Camilotti, a filha dela Cristiane Camilotti e o genro Ricardo Canci. Luciana Arcari (foto), de Xanxerê, amiga da família, morreu no hospital. O único sobrevivente foi Anilton Camilotti.

Jair de Almeida, de Caçador, estava junto com o motorista na cabine do caminhão. Ele confirmou à reportagem da Rádio Rural que faltou freio do veículo. Conforme Jair, o motorista ainda tentou evitar a tragédia, mas não foi possível.

Em lágrimas, o homem que estava com o motorista do caminhão não conteve a emoção ao lembrar do momento em que ocorreu a colisão. "Quando bateu, vi a minha família", disse Jair Almeida. Apesar da colisão violenta, o condutor do caminhão e o carona nada sofreram. Bombeiros, Samu e Polícia Rodoviária Federal de Concórdia trabalharam na ocorrência.

 

 

Foto: PRF/Divulgação

Fonte: Rádio Rurala

 

Laudo confirma que homem matou família e se suicidou em Cordilheira Alta

Policia

Última atualização em Qua, 01 de Abril de 2015 12:49 Ter, 31 de Março de 2015 16:05

AddThis Social Bookmark Button

A polícia de Cordilheira Alta, no Oeste catarinense, concluiu o inquérito sobre a morte de seis pessoas da mesma família, em fevereiro deste ano. De acordo com o delegado Pompílio Claro da Costa, o laudo enviado nesta segunda-feira (30) pelo Instituto Geral de Perícias de Chapecó (IGP) comprova que o funcionário público Alcir Pederssetti, de 42 anos, matou a tiros a própria família e cometeu suicídio em seguida, na casa onde moravam.

O crime foi descoberto na manhã do dia 26 de fevereiro. Além do corpo de Alcir, foram encontrados mortos a mulher dele, Monica Pederssetti, de 33 anos, a filha do casal, Lana Pederssetti, de 16, além dos sogros, Antonio Moresco, de 68 anos e Luiza Moresco, de 65, e da cunhada, Lucimar Moresco, de 36 anos.

“O laudo confirmou nossa primeira linha de investigação, de homicídio seguido de suicídio”, diz o delegado. De acordo com depoimentos de parentes e vizinhos da família, Alcir não aceitava a separação.

Segundo o delegado, o exame toxicológico ainda não ficou pronto, mas o laudo principal do IGP, com o exame de balística e o resultado da perícia no local, são suficientes para que o crime seja considerado esclarecido.

O inquérito deve ser encaminhado ao Fórum de Chapecó até esta quarta-feira (1), segundo Pompílio. “Com base no resultado, é possível que seja arquivado.”

Mulher morreu primeiro

De acordo com o IML, havia marcas de mais de um disparo no corpo da esposa e do sogro de Alcir. Os demais corpos tinham marca de um tiro. Na casa foi encontrado um revólver calibre 38. Segundo a polícia, porém, Alcir não tinha porte de arma.

Segundo a polícia, Monica teria sido a primeira vítima. Lana, filha do casal, foi encontrada morta na sala, ao lado do corpo do pai. Os corpos sogros de Alcir estavam em um quarto e o da cunhada, em outro.

Alguns vizinhos comentaram que ouviram os tiros por volta das 4h30. No entanto, eles disseram que era comum Alcir atirar quando achava que havia alguém suspeito no terreno, por isso não deram importância, segundo a polícia.

Comoção

O crime chocou a pequena cidade de 4,1 mil habitantes. Alcir era funcionário público e trabalhava havia 10 anos na Secretaria de Agricultura de Cordilheira Alta. "Sempre tranquilo, sempre desempenhava suas funções. Inclusive ontem [um dia antes do crime] ele ficou a tarde toda lá na prefeitura e estava de férias", afirmou na época o prefeito Alceu Mazzioni.

 

 

 

Foto: Jhota Biavatti/TV Box

G1SC

 
 

Lotérica de Xaxim é assaltada por homem armado, que é flagrado por câmeras de segurança

Policia

Última atualização em Ter, 31 de Março de 2015 16:22 Seg, 30 de Março de 2015 13:57

AddThis Social Bookmark Button

A polícia investiga um assalto ocorrido no início da tarde desta segunda-feira (30), na Lotérica Momoli, no centro de Xaxim, por volta das 13h30. Segundo informações de pessoas que presenciaram o assalto, um homem armado com um revólver entrou na lotérica com um boné e capuz brancos, que aparece na imagem. Havia dois clientes no local e o homem saltou sobre o guichê, anunciou o assalto e depois fugiu a pé. Durante a fuga fez dois disparos no centro da cidade e depois fugiu em uma moto, que o esperava perto do Hospital Frei Bruno.

Ainda não se sabe a quantia que ele levou, mas somente os dois caixas foram esvaziados, não foram levados os malotes. A polícia está no local e confere as imagens das câmeras de segurança para identificar o assaltante.

 

 

 

 

 

 

Foto e informações: Flávio Carvalho

 
 

Três pessoas morrem em grave acidente na SC-283 em Planalto Alegre

Policia

Última atualização em Dom, 29 de Março de 2015 17:13 Sex, 27 de Março de 2015 21:16

AddThis Social Bookmark Button

Três pessoas morreram após um grave acidente na SC-283 na Linha Feliz em Planalto Alegre na tarde desta sexta-feira (27). As vítimas estavam em um GM Corsa, placas de Planalto Alegre, que teria aquaplanado na pista e batido de frente em um caminhão, placas de São Carlos, carregado de frango.

Guarnições do Corpo de Bombeiros de Chapecó, São Carlos e o Samu foram acionados para atender o acidente que ocorreu por volta das 13 horas. Morreram na hora o condutor do veículo, Pedro Gonçalves, de 54 anos, a passageira, Maria da Luz Gonçalves, de 53. A filha do casal, Julia Estefani Gonçalves, de 15 anos, grávida de cinco meses, chegou a ser resgatada com vida, mas não resistiu aos ferimentos e morreu ao dar entrada no Hospital Regional do Oeste. O companheiro de Julia, Marcos da Silva, de 20 anos, foi socorrido pelo Samu e está em estado grave no HRO. O motorista do caminhão, de 30 anos, não se feriu.

Bombeiro presenciou o acidente

De acordo com o sargento do Corpo de Bombeiros de São Carlos, Luciano Hunning, que passava pelo local no momento do acidente, o Corsa seguia sentido a Chapecó quando aquaplanou na pista e bateu de frente no caminhão que fazia o sentido contrário. “A primeira visão foi dos dois ocupantes da parte da frente do carro que estavam em óbito, presos às ferragens. Consegui abrir a porta de trás do carro e vi os outros dois ocupantes que apresentavam sinais vitais”, contou. Ele, então, fez a imobilização das vítimas e retirou elas do veículos, iniciando os procedimentos de primeiros socorros até a chegada das ambulâncias. 

Foto: Elvis Caetano/Tropical FM

Fonte: RedeCom/Com Informações Bombeiros

 
 

Cinco pessoas morrem em acidente na BR-153 no interior de Vargem Bonita

Policia

Última atualização em Dom, 29 de Março de 2015 17:07 Sex, 27 de Março de 2015 17:03

AddThis Social Bookmark Button

O Corpo de Bombeiros de Catanduvas e o Bombeiro Voluntários de Irani atenderam na tarde desta sexta-feira (27), um acidente de trânsito na BR-153, no trevo de acesso a Campina da Alegria, interior de Vargem Bonita. Foi uma colisão entre uma caminhonete Hillux com placas de Ponta Grossa/PR e um VW/Gol com placas de São Bento do Sul/SC.

Quatro pessoas morreram instantaneamente na colisão e outros ficaram feridas. A quinta vítima morreu no hospital Santa Terezinha de Joaçaba. Além dos quatro óbitos, foram transferidas para hospitais da região outras três vítimas. O automóvel era ocupado por três pessoas que morreram instantaneamente. Os corpos ficaram presos nas ferragens. A Polícia Rodoviária Federal de Água Doce também foi acionada e o trânsito ficou interditado devido ao acidente.

Duas vítimas estáveis foram conduzidas pelos bombeiros de Catanduvas ao Hospital Universitário Santa Terezinha de Joaçaba. O Samu de Joaçaba foi solicitado para ajudar na condução à unidade hospitalar. Uma terceira vítimas foi levado ao Pronto Atendimento de Irani e será transferido para o Pronto Socorro do Hospital São Francisco com hemorragia interna. O quadro clínico inspira cuidados, segundo o médico que atendeu a vítima.

Vítimas

De acordo com as informações do Corpo de Bombeiros de Catanduvas entre as vítimas resgatadas com vida está uma gestante de seis semanas que foi encaminhada com quadro clínico instável ao Hospital de Joaçaba para atendimento. A outra vítima também apresenta suspeita de hemorragia interna e diversos ferimentos nas pernas. O atendimento está sendo feito em Joaçaba.

Os corpos serão encaminhados ao Instituto Médico Legal de Joaçaba para necropsia e identificação.

Fonte: Atual FM/Alex Pacheco, Michel Teixeira e Sandro Devens

 

 
 

Polícia catarinense investiga ações de quadrilha no Estado e no Paraná

Policia

Última atualização em Sex, 27 de Março de 2015 21:18 Sex, 27 de Março de 2015 16:49

AddThis Social Bookmark Button

A polícia catarinense está intensificando investigações para desarticular uma quadrilha que está agindo em Santa Catarina e também no Estado do Paraná, incluindo o município de Palmas. O trabalho envolve delegacias de Abelardo Luz, Catanduvas, Joaçaba e Xanxerê.

O início do trabalho ocorreu com a recuperação de uma carroceria boiadeira furtada em agosto de 2014 em Cataduvas (SC) e localizada no interior de Abelardo Luz no sábado (21).Conforme relato do delegado da Polícia Civil de Abelardo Luz, Maico Fank Vivi, à Liberdade FM, com a localização do produto do furto foram levantadas várias outras informações relevantes para o prosseguimento das investigações.

Segundo ele, nesta quinta-feira (26), em companhia de delegados de Catanduvas, Bruno Boaventura e da Delegacia de Investigação Criminal (DIC) de Joaçaba e Xanxerê, juntamente com várias equipes policiais, retornaram ao interior do município e em uma residência no Assentamento José Maria foram apreendidos um caminhão e preso um homem.

Conforme o delegado Boaventura, de Catanduvas, o detido tem ficha de antecedentes criminais no estado do Paraná e pode estar vinculado a uma quadrilha de furtos e roubos que acontecem em toda a região, incluindo à Fazenda Santa Bárbara, no interior de Palmas.

Em janeiro deste ano, os ladrões fizeram reféns membros da família de um dos funcionários fazenda, que conseguiu fugir e avisar a polícia. Após praticar o roubo, os ladrões fugiram em um gol cinza, com placa do estado de Santa Catarina, que foi recuperado pelas equipes policias de Rotam e RPA da 2º Cia de Palmas após troca de tiros com os bandidos que fugiram para a mata levando os pertences  das vítimas.

Fonte: Ivan Cezar Fochzato/RBJ

 
 

Página 4 de 307

Próximos eventos

No current events.

Colunistas

     

 

Dólar/Euro